Descubra porque as áreas ligadas a TI crescem 3 vezes mais que o setor de serviços

A área de serviços como um todo tem crescido muito no nosso país e no mundo. Mas, você sabia que a área de serviços de TI cresceu muito nos últimos anos? A proporção é de 3 para 1. Isto é, ela cresceu três vezes mais do que a área de serviços de um modo geral.

Foto: (reprodução/internet)

Por isso, quem atua na área de TI ou está em busca de um emprego em TI não deve se desesperar. Afinal de contas, essa é uma das áreas que mais crescem e com mais oportunidades de emprego. Vamos falar disso tudo nos próximos tópicos.

ANÚNCIO

O estudo

O estudo que resultou nessa informação é da Associação das Empresas Brasileiras de Tecnologia da Informação do Paraná, a Assespro-PR. A pesquisa foi feita em parceria com a Universidade Federal do Paraná, a UFPR. E o resultado você sabe.

Foto: (reprodução/internet)

Logo, o setor de serviços em tecnologia da informação tem um crescimento acima da média em termos de receitas com comparação a todo o setor de serviços. A pesquisa foi detalhada no “Insight Reports – Panorama do Setor de Tecnologia da Informação e Comunicação”.

A ideia central foi avaliar o mercado de trabalho e as profissões a partir das receitas das empresas brasileiras. Outro dado diz que pequenas empresas são maioria e tiveram aumento em proporção superior as grandes, ainda que não representem tanto no faturamento.

ANÚNCIO

Os dados

Os dados desse estudo foram levantados durante os anos de 2012 e 2019. Sendo assim, durante esse intervalo, todo segmento de serviços brasileiros teve crescimento de 10% ao ano considerando a receita bruta das empresas que foram pesquisadas.

Por outro lado, a receita bruta dos serviços focados em TI cresceu 31% no mesmo período anual e chegou a mais de R$ 200 bilhões no fim de 2019, o que nos dá a certeza desse crescimento que é 3 vezes maior, como está no título dessa matéria.

Outro dado indicado que do total, mais de 84% do faturamento vem de grandes empresas. A pesquisa também diz, através dos dados coletados, que existem mais de 71 mil empresas de TI no país, 95% é de pequeno porte e as grandes respondem a 72% do mercado de trabalho.

ANÚNCIO

Os segmentos

Ainda levando em conta o Panorama, saiba que alguns segmentos tiveram destaque conforme os anos, entre acelerações e desacelerações. Assim, o destaque fica por conta do segmento de desenvolvimento e licenciamento, que tem a maior renda do setor, com 30% do total.

Foto: (reprodução/internet)

Depois, vem as áreas de consultoria, os portais de serviços e de informação, o tratamento de dados, os provedores e hospedagens, o desenvolvimento de software sob encomenda e o suporte técnico e de manutenção. Abaixo, vamos detalhar alguns deles.

Outra base usada pelo estudo vem do IBGE, que é o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatísticas. Assim, a pesquisa foi publicada dois anos após o fim do estudo e mostra um ótimo recorte de toda a área de inovação no mercado brasileiro.

Os serviços

Acima falamos um pouco dos serviços de TI. Mas, você sabe o que é isso de verdade? É tudo aquilo que tem a ver com áreas como de infraestrutura, de software e de banco de dados ou redes. Ou seja, é um assunto tecnológico e do momento.

Assim, acaba sendo uma ótima forma de entrar no mercado de trabalho ou mesmo de estar preparado para as novas vagas que vão surgir. Resumidamente, um serviço de TI é aquele que atua em processos de tecnologia e de informação em vários níveis.

Logo, para quem visa esse tipo de trabalho, que tem ótimos salários, a dica é ficar de olho em expressões que já mencionamos aqui e indicam oportunidades de emprego, como: “desenvolvimento e licenciamento”, “consultoria em TI” e “tratamento de dados”.

Infraestrutura

Para quem busca as vagas abertas para trabalhar com TI pensando na área de prestação de serviços, considere que encontramos na internet, em vários sites de empregos, diversas dicas valiosas. Inclusive, sobre as vagas mais requisitadas pelas empresas. Quer descobrir?

Foto: (reprodução/internet)

A primeira opção que encontramos é a que está ligada ao hardware. Logo, é um assunto que fica dentro da estrutura de TI. Assim, o hardware é a parte de servidores, data center, computadores, roteadores, switches e dispositivos.

O profissional é quem instala e otimiza os equipamentos. Aí vem a área de software também, que é da infraestrutura e tem a ver com as aplicações internas, como websites e servidores. Tem ligação com o sistema operacional. Ou existe a área de instalação de redes.

Telecomunicações

Acima, a gente mencionou três áreas com oportunidades de emprego dentro da parte de infraestrutura de TI, sendo: hardware, software e redes. Agora, tem a parte das telecomunicações. Nesse caso, o foco está no cabeamento de equipamentos.

Assim, a ideia é a de conectar, interligar e suportar toda a rede de comunicação de forma adequada. É um setor fundamental em grandes companhias. Porém, geralmente, o serviço é terceirizado para as empresas de telecomunicações, como operadoras de internet e telefone.

No mercado de trabalho atual, para quem busca vagas na área de TI, você vai encontrar expressões como “técnico de rede sem fio”, “técnico de rede remota”, “técnico de rede metropolitana” e muito mais. Os salários são acima de R$ 5 mil no mês.

Suporte Técnico

Mais uma área que contrata muita gente de TI é a de suporte técnico e você deve imaginar o quanto isso é importante hoje em dia. Todo mundo que não consegue fazer alguma coisa relacionada a tecnologia chama o suporte técnico, não é assim que funciona?

Foto: (reprodução/internet)

De modo geral, o tema está ligado ao Help Desk e ao Service Desk. O primeiro é um serviço de atendimento para clientes, onde o objetivo é dar respostas para dúvidas sobre produtos e serviços de uma empresa. É um suporte mais direcionado.

Já a área de Service Desk é aquela que o usuário tem recursos de informática mais avançados e conforme os chamados técnicos vão sendo abertos, eles vão sendo gerenciados também, a partir de uma entrada e de uma importância. Ambos têm a ver com o atendimento ao cliente.

Banco de Dados

Para quem acha que acabou, saiba que a prestação de serviços de TI também chega na área de banco de dados e ainda mais com a lei de proteção de dados, a LGPD. Agora, o processamento de dados é uma tarefa que exige muito conhecimento.

Por isso, ter um profissional capacitado para tal é importantíssimo. O processamento de dados é uma série de aplicações de forma ordenada e que visa organizar informações de modo prático. Obviamente, é preciso saber lidar com os dados de forma rápida.

Curiosamente, entre os salários da área de TI, o profissional que atua com banco de dados é um dos que mais ganham. Isto é, que possui maior salário. Em grandes empresas e nível máster, possivelmente, a remuneração mensal vai passar dos R$ 9 mil no mês.

Segurança

Não dá para falar de serviços de TI sem comentar sobre a área da segurança cibernética. Isso porque todas as empresas estão preocupadas com isso. Um vírus em um computador pode complicar a vida toda daquela companhia.

Foto: (reprodução/internet)

Então, mais do que combater os vermes online e os spams que atuam todos os dias, o profissional tem que criar barreiras de proteção inteligentes, posicionamento a empresa como uma agente de defesa desses vírus que se propagam.

Além de todas as áreas de serviços de TI que citamos aqui, como você deve imaginar, existem várias outras. Por exemplo, a de recuperação de desastre, isto é, disaster recovery, você conhece? É um profissional que fica ligado na prevenção de desastres.

Outros serviços de TI

Tem ainda a área de sites e hospedagens, além da de desenvolvimento de software, como a criação de jogos. Hoje em dia, muita gente está investindo no serviço mobile, que é focado em celulares e esse profissional de TI pode atuar nisso também.

Existem ainda os serviços gerenciados e as consultorias. É comum que esse tipo de profissional tenha mais expertise no assunto do que os novatos. Assim, ele pode dar treinamentos. E uma última área de serviço de TI que é bem legal de ser lembrada é a de aplicações.

Nesse caso, o profissional atua com o suporte ou gerenciamento, sendo que é quem cria, constrói e dá a manutenção para aplicações como os sistemas ERP, os sistemas CRM e muitos outros que são usados hoje em dia como verdadeiras métricas para uma boa gestão empresarial.

Quem contrata os serviços de TI

Para encerrar o texto, leve em conta que atualmente várias empresas optam por contratar e terceirizar esse tipo de serviço para atender à necessidade corporativa. Isso vale para companhias de pequeno, médio e grande porte de todas as partes do mundo.

Para quem conhece do assunto, existe a possibilidade de ser um prestador de serviço ou atuar em uma empresa que valoriza esse profissional, formando uma equipe multidisciplinar que atue em parceria com outros negócios. Os salários costumam agradar.