Construa sua marca pessoal: seja publicado em uma publicação confiável

Construa sua marca pessoal: seja publicado em uma publicação confiável
Foto: (reprodução/internet)

Para chegar ao C-Suite, você precisará de hard skills, soft skills e uma forte marca pessoal.

Publicar artigos, postagens em blogs, white papers e outros conteúdos ajuda a melhorar sua posição profissional, posicionando-o como um líder do setor.

ANÚNCIO

Para ser publicado em publicações confiáveis, seja online ou impresso, você não só precisará fornecer valor para os leitores da publicação, você também precisará considerar os objetivos gerais da própria publicação.

Como ser publicado

1. Determine quem escreverá o artigo

Você não precisa ser um grande (ou mesmo muito bom) escritor para ser publicado em uma revista ou site de notícias de primeira linha. Encontre um amigo ou membro da família que irá escrever ou polir seu artigo. Você é o especialista no assunto e esse é o seu valor; deixe outra pessoa colocar seus pensamentos no papel

Se você não conhece um bom escritor, envie um e-mail para seus colegas ou use um site como o Upwork para encontrar um escritor profissional. Certifique-se de escolher um escritor qualificado com um portfólio sólido. Esta redação representará suas capacidades pessoais e profissionais, então agora não é hora de economizar.

2. Familiarize-se com as publicações alvo

Antes de você, ou seu escritor, colocar a caneta no papel, você vai querer ter certeza de que o que você criar se adequará ao tipo de publicação que você deseja. Ler alguns artigos online é um bom começo, mas esforce-se para ir mais fundo. 

Se você não conseguir obter cópias impressas de uma revista, visite o site para ler as edições anteriores. Se a versão online for protegida por senha, dê uma olhada nos demais conteúdos disponíveis no site para ter uma ideia do que eles estão publicando. 

Se for uma publicação impressa, entre em contato com seus colegas para ver se eles assinam e podem lhe emprestar cópias de edições anteriores. Você também pode entrar em contato com um editor da publicação e pedir exemplares e um calendário editorial, que mostra os temas que cada edição vai cobrir durante o ano.

Procure departamentos recorrentes (tópicos abordados em cada edição). Essa é uma pista de que esse tipo de informação é importante. Tente conhecer o público da revista e veja se a revista é escrita em segunda pessoa (“você”) ou em terceira pessoa (“eles”).

Leia também: 9 dicas para manter o foco no trabalho enquanto o mundo cai ao seu redor

A voz da segunda pessoa tem um tom mais coloquial, enquanto a terceira é mais autoritária. Observe a contagem média de palavras para departamentos e recursos para ter uma ideia de quanto de seu tópico você pode cobrir em seu artigo. 

Ao pesquisar suas escolhas preferidas, você também deve conhecer o cenário competitivo deles. Você não quer lançar uma ideia de artigo que acabou de ser capa de uma revista de um concorrente. 

Por outro lado, você pode encontrar ótimas ideias para artigos de concorrentes. Você não vai lançar os mesmos artigos, mas pode criar ótimos resultados no conteúdo de um concorrente.

3. Identifique seu público específico

As publicações geralmente têm um público-alvo amplo que inclui vários subconjuntos distintos, e você deve identificar e direcionar seu conteúdo para um desses subconjuntos de público. Por exemplo, uma revista de recursos humanos pode ser lida por executivos de nível sênior e gerentes de nível inferior. 

Os leitores da revista incluirão profissionais de RH que trabalham com benefícios, alguns especializados em conformidade e outros que se concentram na busca e contratação de candidatos. 

É perfeitamente normal escrever um artigo para apenas um segmento da revista de um leitor, especialmente se você tiver uma experiência específica e relevante a oferecer ou uma versão única sobre um assunto importante. De forma ampla ou restrita, identificar seu leitor o ajudará a criar conteúdo altamente relevante e envolvente para ele.

Construa sua marca pessoal: seja publicado em uma publicação confiável
Foto: (reprodução/internet)

4. Decida sobre o seu tópico

Agora que você desenvolveu uma noção do conteúdo, tom, público e competição da publicação, é hora de decidir o que você vai apresentar. Evite conselhos pessoais e, em vez disso, forneça fatos, números e informações valiosas que os leitores podem usar em seu trabalho. 

Pense em sua manchete – você pode criar uma manchete cativante que impeça as pessoas que estão folheando a revista? Até as revistas impressas agora apresentam seu conteúdo de maneira semelhante ao conteúdo da web. Isso significa parágrafos mais curtos e artigos divididos em seções pequenas com vários subtítulos. 

Tente escolher um tópico que você possa dividir em cinco ou mais seções com subtítulos para cada uma. Isso não apenas tornará seu artigo mais legível, mas também o ajudará a organizar melhor sua redação.

Pergunte a seus colegas que provavelmente são leitores da revista ou do boletim informativo o que eles acham do seu tópico e os diferentes tipos de informação que você irá cobrir. Eles podem fornecer um feedback valioso, como “Este tópico é notícia velha / já foi feito até a morte” ou “Esta seção é realmente interessante, então comece com ela.”

Veja também: Pensando em contratar um redator de currículo? Aqui está o que você precisa saber

5. Crie um esboço

Esta é uma etapa crítica, mesmo se você estiver trabalhando com um escritor fantasma. Um esboço o ajudará a esclarecer o conteúdo e a progressão de sua peça e a garantir que você ou seu escritor não deixem nada de fora. 

Coloque suas informações mais importantes primeiro e seu conteúdo de apoio no final. Comece com uma pista forte que mostre ao leitor que ele tem um problema potencial ou uma oportunidade junto com a promessa de seus insights específicos. Eles vão querer continuar lendo para obter suas informações. 

Não comece com uma experiência ou história para mostrar sua experiência – comece com o “chiado” e entregue o “bife” mais tarde.

6. Faça o seu argumento de venda

Evite o discurso banal de décadas atrás: “Acho que seus leitores gostariam …” Os editores se sentem insultados por pessoas que não trabalham na revista, “educando-os” sobre o que seus leitores gostariam.

Abra sua carta com um problema ou uma oportunidade para os leitores da publicação, como uma declaração ou pergunta provocativa.

“Você sabia que 65% dos diretores de TI desistem pelo mesmo motivo?”

“De acordo com a National XXX Association, haverá uma escassez de XXX profissionais qualificados a partir de 2023.” 

Depois de fazer isso, forneça uma visão geral de uma ou duas frases da solução. Em seguida, forneça suas qualificações para ser um especialista que pode fornecer essas informações.

Construa sua marca pessoal: seja publicado em uma publicação confiável
Foto: (reprodução/internet)

Você deve incluir duas ou três informações que irá cobrir, bem como uma ou mais fontes confiáveis ​​que usará para criar seu conteúdo. Isso o ajudará a evitar parecer que deseja escrever um artigo sobre suas ieias ou opiniões pessoais, porque você é realmente inteligente.

Por fim, descreva os benefícios de seu artigo de uma forma que respeite o conhecimento do editor e também mostre sua compreensão de seus pontos fracos. Se você pesquisou a publicação e criou sua ideia de conteúdo, agora conhece os benefícios deste artigo para a publicação, não apenas para os leitores. 

Por exemplo, seu artigo ajudará os leitores a reduzir seus custos ou aumentar a retenção de funcionários? Você pode até pesquisar os anunciantes que vê no site ou na mídia impressa e explicar como seu artigo ajudará a vender espaço publicitário.

7. Acompanhamento respeitosamente

Dependendo da publicação, os editores podem ser inundados com propostas a cada semana. Considere enviar seu argumento de venda em papel, pelo correio tradicional, depois enviar um e-mail e ligar para o editor dentro de uma semana, caso não tenha recebido uma resposta. 

É verdade que a roda que range pega a graxa. No entanto, certifique-se de seguir as diretrizes da publicação. Se eles não aceitarem envios impressos – apenas por e-mail, não envie nada para eles. 

Se eles tornarem impossível encontrar seus números de telefone, não evite o esforço de manter os chamadores longe, conseguindo de alguma forma o número e cruzando os limites do editor. 

A maioria dos lugares dirá quanto tempo é o seu tempo de resposta, portanto, certifique-se de descobrir isso caso os direitos voltem para você após esse período e você possa comprar seu artigo em outro lugar.

Fique por dentro: Quer um plano estratégico de busca de emprego que funcione? Veja como começar

Traduzido e adaptado por equipe Vagas Liste

Fonte: Ivy Exec

ANÚNCIO