Como sair da rotina de consultoria e assumir uma função interna?

Como sair da rotina de consultoria e assumir uma função interna?
Foto: (reprodução/internet)

A consultoria para uma empresa coloca você em uma posição flexível: você pode oferecer ideias, desafios e informações valiosas para ajudar a empresa a se expandir e crescer. Você pode até fazer isso para várias empresas, dando-se liberdade para trabalhar em vários ambientes, todos com o mesmo resultado. 

No entanto, chegou a hora de trocar a azáfama da consultoria por algo novo e mais estável? A transição para uma função interna traz seus próprios desafios, mas é uma possibilidade distinta para sua próxima etapa. Veja como planejar sua mudança de uma função exclusiva para a próxima e como antecipar os desafios que podem surgir.

Por que abandonar a consultoria?

Simplificando: uma função interna tem muito mais probabilidade de ser estável, em oposição à consultoria, especialmente se você for um consultor independente. Trabalhar internamente significa benefícios, mais rotina e um conjunto diferente de habilidades, mas aquelas que você já aprimorou em sua função anterior. 

Tendo dado à potencial empresa seus conhecimentos e ideias ao longo do tempo, agora você pode ter uma parte muito mais ativa na aplicação deles, dependendo exatamente da nova função que está procurando. 

Para muitos, a mudança interna também significa uma redução no tempo de viagem e a capacidade de estabelecer uma rotina pessoal semanal e limites de trabalho / vida mais fortes.

Leia também: As 5 principais resoluções a serem tomadas em relação ao seu 2021 profissional

Como passar para uma função interna

Dê o primeiro passo

A empresa que você está interessado abriu vaga para um cargo permanente? Você os está informando sobre sua disponibilidade se e quando uma posição estiver disponível? 

Ao se apresentar como um candidato interno, você terá que recorrer a outros conjuntos de habilidades e se apresentar como alguém que pode fazer muito mais pela empresa do que como consultor; mas você não pode confiar apenas em suas experiências anteriores para se tornar um candidato mais atraente. 

A mudança para uma função permanente exige conhecimento completo da empresa, disposição para ser muito mais hands-on e possibilidade de assumir responsabilidades e requisitos diferenciados. Enfatize suas habilidades de consultoria, mas também não dependa exclusivamente delas.

Como sair da rotina de consultoria e assumir uma função interna?
Foto: (reprodução/internet)

Crie seu currículo

Se a posição que você deseja está prontamente disponível e definida, você deseja que seu currículo reflita os pontos fortes, não apenas para a vaga, mas para destacar suas outras diversas qualificações, aquelas que podem não ter sido exibidas na função de consultor. 

Você é capaz de implementar ideias, além de conceitualizar e apresentá-las? Você se sente mais confortável trabalhando com uma empresa menor, quando a consultoria às vezes é dominada por empresas maiores?

Se você está olhando mais além, um currículo variado é uma jogada inteligente. Você pode usar sua combinação de habilidades para mostrar sua capacidade de mudar para novas funções em vez de consultor, e também pode ramificar-se para outros campos e setores.

O desejo de um cargo interno muito provavelmente indica a necessidade de novos desafios; portanto, manter a mente aberta e adaptar seus talentos para novas empresas e funções é uma jogada inteligente.

Você pode ser uma ótima opção para uma empresa existente para a qual você é consultor, ou talvez encontre melhores oportunidades fora de sua zona de conforto, em diferentes setores.

Veja também: Desenvolva sua carreira por meio de oportunidades de aprendizagem online

Utilize sua trilha interna

Se você está se candidatando a um cargo interno em uma empresa para a qual já consultou, você já está no radar dela, você é uma entidade conhecida. Se você se mostrou confiável, flexível e sempre fornecendo ideias valiosas, será muito mais visível e procurado do que um candidato totalmente externo. 

É claro que sua posição de consultor não é uma garantia, mas você conhece o trabalho que a empresa faz, você já ajudou a atingir seus objetivos de uma perspectiva anterior; venda-se como alguém que pode fazer uma transição perfeita para o interior, em vez de uma voz do lado de fora.

Evite suposições

Você pode acreditar que sabe tudo sobre a empresa, dado o seu acesso anterior a eles. No entanto, é muito provável que você tenha lidado apenas com uma pequena porcentagem de sua força de trabalho e possa estar entrando em uma equipe diferente, especialmente se estiver ocupando o lugar de um antigo executivo ou gerente. 

Aproveite o conhecimento que você já possui, mas também deixe espaço para uma curva de aprendizado. Você não é mais um consultor; você agora é um membro permanente de uma equipe diversificada, ou possivelmente gerenciando uma. 

As expectativas podem ser diferentes internamente, em vez de ser a voz externa que você já foi. Esteja aberto para mudar sua abordagem e para receber feedback de seus colegas. 

Use seu conhecimento atual como base, mas esteja disposto a construí-lo, especialmente à medida que aprender mais sobre a empresa, com informações às quais talvez não tivesse acesso como consultor. Você teve o controle interno e agora depende de você continuar aprendendo em sua nova função.

Como sair da rotina de consultoria e assumir uma função interna?
Foto: (reprodução/internet)

Foco na comunicação

Consultoria tem tudo a ver com comunicar ideias, e cada estágio de sua transição não deve ser diferente. Afinal, você está começando por comunicar seu desejo pelo novo cargo. 

Ao longo do processo de entrevista e da potencial contratação, defina suas metas e objetivos com clareza e comunique as expectativas aos novos colegas, supervisores e funcionários. 

Consultar pode parecer uma bolha às vezes; você é um pequeno canal em uma rede maior. Estar na nova posição significa se abrir mais e perceber que você é o responsável pela implementação de suas próprias ideias e das dos outros.

Inicie o processo agora

Dependendo da estrutura da empresa, você pode ter que esperar a abertura de um cargo permanente, mas comece a divulgar suas intenções imediatamente. Informe à gerência que você deseja mudar para uma função interna

Use o tempo para aprender completamente sobre a organização e apresente um plano para mostrar como você se integraria à hierarquia de gerenciamento. Se a vaga estiver disponível imediatamente, use sua experiência anterior e relacionamento com a empresa para se destacar dos demais candidatos. 

Você não é um novato; você tem o poder de fazer esse movimento.

Fique por dentro: Novo emprego, mesma empresa – e agora?

Traduzido e adaptado por equipe Vagas Liste

Fonte: Ivy Exec